ESTRUTURA CURRICULAR



A estrutura curricular apresentada na matriz é resultado de estudo desenvolvido por um grupo multidisciplinar o desenvolvimento do Projeto Pedagógico do Curso.

A definição da carga horária das disciplinas da matriz curricular projeta as intenções das Diretrizes Curriculares Nacionais e permite adotar a competência como fundamento conceitual básico e atende as exigências legais da Resolução 2, de 18 de junho de 2007. A organização do horário do curso, durante os semestres letivos, prima em favorecer ao estudante espaços livres para atividades complementares (extensão, extraclasse, monitorias, pesquisas, entre outras). É organizado pela coordenação do curso com consulta prévia aos docentes relacionados à sua disponibilidade e adequação de todo o espaço físico a ser utilizado em cada semestre.

A estrutura curricular, de acordo com a legislação vigente, contempla a abordagem das temáticas relacionadas à educação ambiental, história e cultura afro-brasileira e indígena e relações étnico-raciais. A disciplina de Sociologia da Responsabilidade Social aborda, dentre os seus conteúdos, o tratamento de questões e temáticas referentes aos afrodescendentes (Parecer CNE/CP nº 03 de 10 de março de 2004); dessa forma promove o atendimento às Diretrizes Curriculares Nacionais para Educação das Relações Étnico-raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro - brasileira e Africana (Resolução CNE/CP nº 01 de 17 de junho de 2004).

Na organização da estrutura curricular há a possibilidade de o estudante cursar optativamente a disciplina LIBRAS, nos termos da Lei 10.436, de 24 de abril de 2002, dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais, e Decreto n. 5.626, de 22 de dezembro de 2005, que regulamenta a Lei 10.436/2002 e artigo. 18 da Lei 10.098/2000.

A organização curricular do Curso de Bacharelado em Odontologia do UNICEP visa possibilitar que os conhecimentos teóricos básicos estejam entrelaçados e encadeados com os conhecimentos específicos de Odontologia. Assim, do primeiro ao último semestre decresce o número de disciplinas básicas e comuns e, aumenta o de específicas. Com essa organização da matriz curricular o Curso de Bacharelado em Odontologia segue a concepção de ensino institucional, sendo consolidada em um modelo pedagógico que prioriza a ação-reflexão-ação e a gestão participativa entre estudantes e docentes. As propostas didático-pedagógicas interligam o processo ensino/aprendizagem e visam o desenvolvimento das capacidades de pensar, planejar e executar atividades no mercado profissional.


Segundo o PDI, a prática acadêmica, favorece o desenvolvimento dos trabalhos educativos como estratégia de flexibilização nos seguintes pontos:


  • Na definição da natureza do trabalho acadêmico efetivo com base na duração da atividade acadêmica e do trabalho discente supervisionado e orientado pelo docente.

  • Na inclusão das atividades complementares como ações diversificadas para enriquecimento de conteúdos curriculares.


Na estrutura Curricular efetivou 2640 horas como competências específicas, aquelas capazes de assegurar a qualidade na formação de profissionais na compreensão e tradução das necessidades dos indivíduos, grupos sociais e comunidade com quem irão atuar, ficando assim definidas para o curso de Odontologia:


  • Conhecimento e atuação com padrão de qualidade e princípios legais, éticos e bioéticos.

  • Coordenação do trabalho da equipe de Odontologia.

  • Atuação em todos os níveis de atenção e assistência à saúde bucal, sensibilizado e comprometido com o ser humano individual e coletivamente.

  • Organização, manuseio e avaliação de recursos e informações de cuidados de saúde bucal efetiva e eficientemente.

  • Participação em investigações científicas sobre doenças e saúde bucal e preparo para aplicar os resultados de pesquisas para os cuidados de saúde.

  • Emissão de laudos, atestados, relatórios sobre matéria de Odontologia e, encaminhamento do paciente quando necessário.